brasília: 61 3327-9889   |  são paulo: 11 2619-0618

adm.midiaeconexao@gmail.com

Metrópoles: Grávida não pode tomar pré-treino? Entenda orientação dada a Virgínia

Virgínia Fonseca anunciou terceira gravidez nessa quarta-feira (17/1) e contou ter sido orientada e suspender o uso de pré-treino

Virginia Fonseca anunciou, nessa quarta-feira (17/01), que está grávida pela terceira vez. Logo após dividir a novidade com seus seguidores, a influenciadora contou que foi orientada por sua médica a evitar treinar no início da gestação e a não tomar estimulantes pré-treino.

“Fui na minha obstetra, fiz ultrassom. Vou ter uma viagem amanhã que já estava marcada, minha obstetra me liberou, só me passou alguns cuidados que preciso tomar. Não ficar com estripulia, que, normalmente, fico. Evitar treinar nesse início. Não vou poder tomar algumas coisas também, tipo pré-treino. Coisas que a gente não vai ter como fazer grávida”, detalhou.

Pré-treino são suplementos desenvolvidos para dar energia extra durante os exercícios físicos. Geralmente a fórmula tem ingredientes que aumentam a disposição e a resistência para a execução de atividades físicas. Os pré-treinos também contribuem para o ganho de massa magra e atrasam a fadiga muscular, entre outros benefícios.

Os pré-treinos mais populares são à base de cafeína, mas também podem conter outros ativos, como extrato de guaraná e de chá verde. “Normalmente compostos assim não são seguros para mulheres grávidas, por isso a utilização deles na gestação é contraindicada”, explica o nutricionista Omar de Faria, que atende em Brasília.

O ginecologista Rafael Lobo explica que o consumo de substâncias pré-treino por mulheres grávidas podem levar a um trabalho de parto prematuro porque aceleram o metabolismo.

Como obter energia?

Segundo o nutricio0nista Omar de Faria, alimentos com carboidratos são a melhor fonte de energia para as gestantes que treinam. “Nós não podemos demonizar os carboidratos e, principalmente, durante a gestação, quando são de grande importância para garantir o fornecimento energético para a mamãe e o bebê”, aponta.

A qualidade do sono também deve ser priorizada para restaurar a energia. “O descanso é muito importante para que a gestante tenha energia e disposição para fazer exercícios”.

Outro suplementos

Em outro stories, Virgínia contou que segue tomando creatina. Segundo Faria, não há contraindicação para esse suplemento. “Muitas vezes, é até recomendada a inclusão dessa proteína no plano alimentar de uma mulher grávida”, afirma.

A creatina é um antioxidante, melhora o metabolismo da glicose. Alguns estudos já mostraram também que há ganhos para os bebês de mulheres que tomaram creatina na gravidez.

O whey protein, por sua vez, só deve ser utilizado por grávidas que tenham indicação médica. Algumas marcas possuem aditivos e adoçantes que podem ser prejudiciais à saúde, especialmente das gestantes com risco de diabetes gestacional.

“A paciente que faz um acompanhamento nutricional direitinho durante a gestação e continua com dificuldade no aporte protéico utilizando whey, mas nunca sem acompanhamento nutricional”, afirma Rafael Lobo, da clínica Tivolly, de Brasília.

Fonte: Metrópoles

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
Jornal de Brasília: Mitos e verdades sobre acupuntura para gestantes

A gestação é um momento mágico para grande parte das mulheres, mas também é um período cercado de dúvidas, medos e desconfortos físicos. Na gravidez, muitos remédios não são seguros. Uma alternativa é a acupuntura, médicos indicam a terapia para tratar vários incômodos como, por exemplo, enjoos, azia, dores nas

leia mais »