brasília: 61 3327-9889   |  são paulo: 11 2619-0618

adm.midiaeconexao@gmail.com

D24AM Mundo: ‘Dia Mundial de Luta Contra o Câncer’: campanha incentiva combate a doença

Oncologista alerta para riscos de hábitos de vida pouco saudáveis como fatores evitáveis ligados ao aumento na incidência da doença

Manaus – Consumo excessivo de industrializados, bebidas alcoólicas, obesidade, tabagismo e não praticar exercícios físicos são fatores de risco para o desenvolvimento de câncer. Como forma de conscientização sobre a importância dos cuidados com a saúde, o dia 8 de abril, Dia Mundial de Luta Contra o Câncer, traz um olhar cuidadoso para o tema. Com o tema ‘Unindo Forças para um Futuro Sem Câncer”, a campanha deste ano busca incentivar ações e fortalecer o compromisso global para reduzir o impacto da doença no mundo.

Pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS) revela que o câncer continua a ser um dos principais desafios para a saúde, já que a tendência é de aumento de casos nos próximos anos. A OMS estima mais 35,3 milhões de novos casos de câncer em 2050, um aumento de 77% em relação aos 20 milhões de casos estimados em 2022.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), no Brasil sãoesperados 704 mil novos diagnósticos de cânceres a cada ano dotriênio de 2023 a 2025 – uma soma que resultará em mais de 2milhões de novos casos da doença ao longo desses 36 meses.
Só no Estado do Amazonas, o INCA prevê mais de 5.400 mil novoscasos da doença em 2024. Entre os mais comuns no Estado, o câncerdo colo do útero fica na liderança. No topo do ranking de incidênciaaparecem ainda os tumores de próstata, mama e pele.
Apesar do cenário exigir atenção da população e dos órgãos de saúde,o oncologista da Oncoclínicas Manaus, William Fuzita afirma que aprevenção, o acompanhamento médico periódico e realização deexames de rotina para detecção precoce do câncer, aliados às novasfrentes avançadas de tratamento da doença, são a chave para que osíndices de incidência não levem também ao aumento das taxas deletalidade.
“Adotar hábitos de vida saudáveis é essencial. Práticas comoexercícios físicos regulares, mantendo uma média de 150 minutos por
semana, alimentação balanceada com ênfase em frutas, verduras elegumes, menos consumo de carne vermelha, não fumar, incluindocigarros eletrônicos que também representam um grande risco àsaúde e estar com todas as vacinas disponíveis no SUS em dia,especialmente o imunizante contra o HPV e a Hepatite B, com certezavão contribuir para prevenir não apenas o câncer, mas também umavariedade de outras patologias, incluindo as doençascardiovasculares”, afirma o médico.
A importância e os benefícios do rastreamento
A detecção precoce do tumor aumenta consideravelmente as chancesde cura. Realizar exames preventivos regularmente, comomamografia, papanicolau e colonoscopia, conforme as diretrizespara cada faixa etária e grupo de risco, contribui para o diagnósticoem estágios iniciais, quando o tratamento é mais eficaz.
Tratamentos menos agressivos:
tumores detectadosprecocemente geralmente requerem tratamentos menosinvasivos e com menos efeitos colaterais.
Redução da mortalidade:
o rastreamento pode reduzirsignificativamente a mortalidade por câncer. Estudosdemonstram que a detecção precoce pode reduzir a mortalidadeem até 30% para alguns tipos de câncer.
Melhoria da qualidade de vida:
o diagnóstico e tratamentoprecoce do câncer podem melhorar significativamente aqualidade de vida dos pacientes.
Avanços no tratamento
De acordo com o especialista, o tratamento de diferentes tipos detumores com a chegada de drogas inovadoras e condutasdirecionadas para as especificidades de cada caso, não só têmmostrado melhora nas chances de sobrevivência, mas tambémimpactado de forma positiva os pacientes em todas as etapas dajornada de cuidado.

“A velocidade impressionante com que a ciência avança estáreescrevendo a narrativa do câncer. Enquanto antes era encaradocomo uma sentença de morte, hoje em dia, graças aos avanços nosmétodos de tratamento, estamos testemunhando um aumento nastaxas de cura e uma queda na mortalidade. A capacidade de modular osistema imunológico dos pacientes tem trazido benefícios antesimpensáveis aos tratamentos contra a doença. Não apenas estamos alcançando uma maior taxa de cura em estágios iniciais do câncer,mas também estamos conseguindo controlar formas avançadas eoutrora incuráveis, transformando-as em condições crônicasgerenciáveis, comparáveis à hipertensão, onde o uso contínuo demedicamentos permite controlar a condição indefinidamente”,ressalta o oncologista da Oncoclínicas Manaus.

Outro tratamento oncológico quem tem ganhado desataque é sobre aterapia com células CAR-T, que consiste em um medicamentopreparado com as células de defesa (linfócitos T) extraídas dopaciente e modificadas em laboratório para que, ao serem devolvidaspara o paciente, possam combater o câncer. Utilizado em algunstumores hematológicos, o ataque é contínuo e específico e, namaioria das vezes, basta uma única dose para o controle e cura dadoença.

Outro grande avanço que se enxerga num horizonte próximo é aassociação de moléculas ativas a traçadores radiológicos, utilizadosem medicina nuclear, com o uso de várias substâncias que serãoutilizadas tanto para a detecção e classificação mais precisa detumores, como o uso mais efetivo da medicina nuclear para otratamento de vários tumores, que estão em desenvolvimento mundo afora.

Fonte: D24AM Mundo

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post